Relacionamento
Um espaço criado para estreitar o relacionamento com clientes, corretores e comunidade. Pensado para atender as suas necessidades.

Carlos Ferreirinha faz workshop no EMBRAED Lounge

22.06.2018

Carlos Ferreirinha faz workshop no EMBRAED Lounge

Mais importante nome do mercado de luxo do país esteve em Balneário Camboriú no último sábado, 16, para um workshop exclusivo com colaboradores do Grupo EMBRAED.

Balneário Camboriú tem despontado no mercado de luxo nos últimos anos. O balneário catarinense tem sido comparado, inclusive, a Dubai nos Emirados Árabes e é destino cobiçado para quem quer viver bem, passar férias ou investir. Atrai cada vez mais um público qualificado motivados pelo alto índice de desenvolvimento humano e a qualidade de vida que oferece, além de possuir o metro quadrado mais valorizado do país. Neste cenário, as empresas têm investido cada vez mais na capacitação de seus profissionais e na criação de novas experiências de consumo para esse cliente, cada vez mais exigente. Pensando nisso, a EMBRAED realizou no último sábado, dia 16, um workshop exclusivo para seus colaboradores com o especialista no assunto, Carlos Ferreirinha.

Com mais de 30 anos de atuação no segmento, Ferreirinha reforçou sobre como explorar o conceito do luxo nos dias atuais – “tudo aquilo que é pautado no extraordinário, na excelência, no excepcional e impecável como elemento de diferenciação.”

Contudo, destacou que apenas o rigor da excepcionalidade dos produtos e dos serviços não é suficiente para as empresas continuarem crescendo.

“Fazer brilhantemente o trabalho e elevar o patamar das experiências vividas pelos clientes dentro do mercado de luxo são aspectos fundamentais. Mas, mais do que isso é a capacidade de adaptação das marcas. As referências de outras épocas foram totalmente alteradas. É preciso fazer mais segmentação. Hoje isso não é mais uma questão de necessidade, mas de sobrevivência no mercado. Quem não entender essa multicanalidade e não mudar a sua linguagem de interação não irá mais conseguir posicionar seu produto e serviço. É necessário entender que mudaram as forças, as influências e, por isso, é preciso abrir mais esse esquema de reflexão. Não dá para ficar com uma única forma quando se tem tantas outras possibilidades de conquistar o cliente. É algo que as marcas de luxo tradicional estão fazendo e que podemos usar como inspiração”, disse Ferreirinha.

Ele afirma ainda que a competência fundamental é “aprender, reaprender e aprender novamente”.

Mercado de luxo, construção civil e a cidade de Balneário Camboriú

Segundo pesquisas recentes, Balneário Camboriú tem se destacado no cenário nacional em valorização imobiliária, especialmente em empreendimentos de luxo e de alto luxo. Além de atrair público interessado na compra de imóveis, a cidade tem sido alvo de investidores que buscam por rendimentos vantajosos e seguros diante da crise econômica.

“O dinheiro está sim disponível no Brasil e dessa forma tudo aquilo que está relacionado a investimentos mais expressivos tendem a favorecer em momentos de crise. É o que geralmente acontece com o metro quadrado. E Balneário Camboriú vive bem este momento, caminha na contramão da crise, como se estivesse em uma redoma de vidro que a separasse de outras regiões do país tamanho é o seu crescimento”, comenta Ferreirinha.

Neste cenário, está a construtora EMBRAED, pioneira na construção de empreendimentos de luxo da cidade e, que nos últimos quatro anos, entregou mais de dez empreendimentos com mais de 80% das unidades vendidas. E apenas ao longo de 2018, são 3 novos projetos lançados no mercado, um deles, o Hamptons Village, apresentado recentemente. 

“A EMBRAED conseguiu um feito muito raro. A construtora cresceu de forma significativa no segmento da construção civil mantendo esse código de exclusividade com empreendimentos genuinamente de alto padrão, mas com um detalhe a mais que é impressionante. Ela não diversificou a sua presença em outras regiões. Se destacou com suas construções apenas na cidade de Balneário Camboriú. Certamente, é uma referência em luxo”, analisou Ferreirinha.



Voltar